Profissionais de Remuneração: De onde vêm, onde vivem e do que se alimentam! :)

Meus clientes sempre me pedem indicação de profissionais de Remuneração. Em geral, escuto muitos relatos sobre o quanto são raros.

É interessante notar que muitos dos profissionais que são contratados pelas empresas acabam vindo de consultorias, celeiro de formação técnica na área.

Mas por que é tão difícil encontrar estes profissionais no mercado?

Talvez essa dificuldade venha do fato da área de Remuneração estar inserida em um ambiente tipicamente formado por profissionais de “Humanas”. Seria, portanto, uma área de atuação menos familiar a este grupo e na qual profissionais com formação em “Exatas” inicialmente não teriam tanto interesse de atuar (apesar do RH vir cada vez mais se posicionando estrategicamente nas empresas).

Sou Psicóloga de formação, e apesar de eu estar longe de ser a única nesta condição, a minha atuação em Remuneração sempre causa algum espanto.

E como eu vim parar aqui?!

Eu resumiria em 4 pontos:

  • Habilidade com números;
  • Bom domínio de Excel;
  • Aprendizagem na prática (aqui é necessário um colega de trabalho para ensinar os princípios fundamentais da área e/ou um gestor que saiba desenvolver o time, além de ter um Consultor parceiro para quem se possa ligar para discutir ideias e tirar dúvidas  😉 ); 
  • Uma fundamentação teórica em finanças (que não é premissa no início da carreira mas que pode ser um bom diferencial numa fase mais avançada da atuação).

E o que eu quero dizer com isso é que qualquer um pode trabalhar na área! Profissionais com experiência em finanças, no planejamento comercial ou mesmo os Psicólogos que estejam atuando em outros sub-sistemas do RH mas que gostem de números.

Não há mistério em Remuneração. Arrisque. Desafie-se e apaixone-se!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *